Icons

  • abril 15, 2017

    Reflexão de sábado

    Esse é mais um daqueles textos que eu queria começar dizendo que chega uma fase da vida que a gente aprende... mas logo ao pensar assim, concluí que essa fase de aprendizado é diária, que todo dia aprendemos algo novo e que temos a oportunidade de evoluir como ser humano e como espírito. Gosto de acreditar que quanto mais a gente percebe os aprendizados do dia-a-dia, mais a vida está valendo a pena. Afinal, a vida nada mais é do que uma reunião de momentos felizes, momentos tristes e muito aprendizado, não?

    imagem: tumblr
    Tenho lido muito ultimamente, sobre diversos assuntos e uma dessas leituras me fez refletir sobre como somos influenciados pelas pessoas ao nosso redor. Não só no sentido negativo da palavra. Ora, todos nascemos puros e livres de preconceito, estereótipos e todo e qualquer tipo de julgamento que exista na sociedade. E se somos puros, por qual razão saímos por aí pregando discursos de ódio, dando opinião a algo que não nos diz respeito? As vezes até falamos coisas de modo tão automático que nem pensamos se podemos estar machucando alguém próximo, ou não. Se algum ideal pré estabelecido ou ensinado na infância, hoje, na vida adulta, pode ser algo o qual eu deva refletir se, de fato, é assim mesmo, se é preciso ser dessa forma...

    Infelizmente, na realidade que eu vivo, acredito que preconceito, hábitos negativos e a violência verbal de um modo geral sempre vai existir, independente do que a gente faça. Também acredito que cada dia estamos dando um passo para tornar a sociedade melhor e que, fazendo a nossa parte, podemos sim mudar! Se desprender de crenças que foram 'impostas' a você, se desconstruir e tentar olhar as coisas a partir de uma nova perspectiva é algo mágico e que pode sim ajudar a nos tornarmos pessoas melhores não só para nós mesmos como também para quem sofre com essa sociedade estereotipada e pra quem vive ao nosso redor. 

    Acredito na força da positividade que o universo emana. E que, sempre que a gente faz o bem pra alguém isso retornará com um bônus. Não necessariamente será instantâneo, porém quando transmitir o bem se torna um hábito, certamente a colheita será próspera.

    Posso não estar dizendo da melhor forma possível, afinal já estou com um pouco de sono, mas eu só queria deixar um recadinho nesse fim de sábado: não julgue ninguém pelo exterior dela. Não diga que o cabelo de alguém é feio, que o namorado de alguém é estranho comparado ao anterior. Não se refira a alguém pela sua cor, não defina beleza por etnia ou porte físico. Não perca seu tempo avaliando a vida do outro, vá cuidar da sua. Não se imponha a seguir um padrão, uma modinha. Não se esforce pra agradar os outros, se baste!

    4 comentários:

    1. Eu super compartilho do seu pensamento. Infelizmente os discursos de ódio e desgosto sempre são mais intensos do que os pensamentos positivos e as energias boas. A gente sempre quer o pior do outro, sempre enxerga o lado feio, mas fica a reflexão de como fica o outro lado da moeda. Transmitir e compartilhar coisas boas sempre vai ser uma prioridade ♥

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. É isso né? Se a gente não fizer por onde, não tem nexo reclamar do próximo!
        Obrigada pela sua visita, Kelly. Um beijo ♥

        Excluir
    2. Concordo em grande parte com o que escreveste. Um dos problemas que noto nas pessoas e no dia-a-dia é que poucos são os que querem mudar ou estão abertos a mudar. E pior do que isso, como não o querem ou não conseguem fazer, fazem por não deixar os outros mudar ou descobrirem-se.

      www.pumpum.org

      ResponderExcluir
    3. Oi Rê!
      Acho que seu texto é um relato tão comum, mas necessário e verdadeiro. Nós vivemos em sociedade, somos seres sociais, é inegável que os comportamentos se espelham e se refletem uns nos outros. A máxima violência gera mais violência é válida também para a gentileza. Gentileza gera mais gentileza. Precisamos saber cultivar as coisas boas para conseguirmos tornar o mundo ao nosso redor, um lugar melhor e, assim, desencadear outros pequenos mundos melhores. Esse pensamento me fez pensar no filme 'Corrente do Bem', você já assistiu? É bem legal a mensagem do filme.
      xoxo

      ResponderExcluir